Memórias e Arquivos da Fábrica de Loiça de Sacavém

Novembro 30 2012

 

Leiteira formato Avenida com o motivo 1082 aplicado a esmalte sobre o vidrado.

 

Conforme já foi referido anteriormente (http://mfls.blogs.sapo.pt/214146.html), o formato Avenida corresponde ao formato Eve da empresa inglesa Shelley.

 

Também já anteriormente (http://mfls.blogs.sapo.pt/10210.html) se notou que este motivo deixou de ser produzido pela FLS a partir de 1946.

 

 

© MAFLS


Novembro 28 2012

 

Prato raso estampado sob o vidrado com o motivo Faisão (Asiatic Pheasant).

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Novembro 26 2012

 

Leiteira formato Lagos, do último período de produção da FLS, com decoração estampada sobre o vidrado.


Um conjunto de chávena e pires de café com o mesmo motivo pode ser visto aqui: http://mfls.blogs.sapo.pt/120609.html.



© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Novembro 25 2012

 

Grande prato fundo em faiança, com cerca de 33,4 cm. de diâmetro, sem qualquer marca visível.

 

Na aba, perpendiculares ao rebordo, notem-se os três segmentos de recta não vidrados que indicam a presença da trempe para separar as peças durante a cozedura.

 

Note-se também como, com excepção dos três círculos, toda a decoração, incluindo a legenda AMOR, foi efectuada sobre stencil (chapa recortada).

 

Finalmente, note-se ainda que esta composição floral com legenda apresenta certas semelhanças com alguns pratos produzidos na região de Alcobaça, como se pode ver nas páginas 16 e 38 do livro A Loiça de Alcobaça (2001), de João da Bernarda.

 

© MAFLS


Novembro 24 2012

 

Cinzeiro em faiança representando uma peixeira, ou varina.

 

Este cinzeiro corresponde ao formato 529 que, no exemplar do CDMJA, apenas surge numa adenda manuscrita da tabela datada de Novembro de 1945.

 

Na tabela de Maio de 1951 esta indicação já surge impressa, com a mesma referência, "Cinzeiro Peixeira", e o mesmo preço, 25$00, para "Côres Mates ou coloridos s/ ouro".

 

Fotografias da peça por Hector Castro, coleccionador e proprietário deste exemplar.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Novembro 22 2012

© CDMJA/MCS

 

Folha, com desenho do formato Arte Nova A-54 da FLS, que se encontra depositada nos arquivos do Centro de Documentação Manuel Joaquim Afonso/Museu de Cerâmica de Sacavém. 

 

Na tabela de Maio de 1960 esta peça surge com a referência A-54, sob a designação "Barco", ao preço de 270$00 para "colorido s/ ouro". No exemplar dessa tabela existente no CDMJA uma anotação manuscrita indica que o seu peso é de 2.500 gramas. Na tabela de Maio de 1979 a peça já surge com a referência 9426, sob a designação "Barco (A-54)", ao preço de 580$00. 

 

A reprodução desta imagem é uma cortesia do CDMJA/MCS.

 

© MAFLS


Novembro 20 2012

 

Cachepot com decoração floral aplicada a aerógrafo sob o vidrado.


Conforme já foi observado por um dos especialista do MCS (http://mfls.blogs.sapo.pt/42922.html), este formato foi inicialmente comercializado não como um cachepot mas como uma tigela, formato Douro.



© MAFLS


Novembro 18 2012

 

Chávena de café e pires, formato Ourique, com o motivo 1289 aplicado sob o vidrado.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Novembro 17 2012

 

Jarra em porcelana da Vista Alegre com o logótipo da fábrica de tintas DYRUP. Com cerca de 31,1 cm. de altura, ostenta a marca correspondente ao período de 1947 a 1968.

 

O formato modernista desta jarra, executada em finais da década de 1950, ou princípios da década seguinte, é acentuado pelo pontilhado em relevo, sendo tal característica comum a várias peças de produção alemã, encontrando-se particularmente em alguns exemplares das fábricas Eschenbach (http://www.eschenbachporzellan.com/) e Rosenthal (http://www.rosenthal.de/).

 

Nesta última fábrica, o relevo pontilhado, acompanhado ou não de motivos figurativos, aparece muitas vezes associado às decorações desenvolvidas pelo consagrado designer e ceramista dinamarquês Bjørn Wiinblad (1918-2006; http://www.rosenthal.de/product/studio-line-tableware-magic-flute-sarastro-plate-25-cm-en/.)

 

 

Como se pode constatar neste anúncio da Vista Alegre, publicado na revista Panorama, número 2, III série, de Junho de 1956, este formato já era comercializado nesse ano.

 

O facto de esta peça ter sido encomendada em porcelana, e executada numa fábrica de Ílhavo, apresenta em si uma nota irónica, pois as instalações da DYRUP em Portugal, que ainda hoje se encontram no mesmo local, confinavam a norte com o perímetro da Fábrica de Loiça de Sacavém...

 

A DYRUP, empresa de origem dinamarquesa fundada em 1928 e activa em Portugal desde 1947, foi entretanto adquirida no início do corrente ano de 2012 pela empresa americana PPG (http://www.ppg.com/en/Pages/home.aspx).

 

 

© MAFLS


Novembro 16 2012

 

Azulejo com uma figura tradicional, provavelmente uma varina do Tejo, pintada à mão sob o vidrado. Este exemplar apresenta no tardoz a inscrição "SACAVEM 8", em relevo.

 

Os traços existentes no canto inferior direito poderão traduzir-se pelas iniciais A. C. M., correspondentes a António de Castro Mourinho (1892-1963; cf. http://mfls.blogs.sapo.pt/tag/ant%C3%B3nio+castro+mourinho), pois têm uma disposição gráfica muito semelhante à tradicional assinatura deste artista. 

 

Como tem vindo a ser divulgado este pintor executou, entre outros, diversos painéis azulejares com motivos regionais durante as décadas de 1930 e 1940.

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

mais sobre mim
Novembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

13
15

19
21
23

27
29


pesquisar
 
subscrever feeds