Memórias e Arquivos da Fábrica de Loiça de Sacavém

Fevereiro 27 2014

 

Conjunto de chávena de chá e pires, formato Sacavém, com decoração floral de inspiração Art Déco aplicada, sob o vidrado, a aerógrafo sobre stencil (chapa recortada).

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Fevereiro 25 2014

 

Prato raso, com marca da Real Fábrica impressa na pasta, apresentando decoração floral estampada sobre o vidrado e filetagem a dourado.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Fevereiro 23 2014

 

A propósito de um prato produzido em faiança na unidade de Coimbra da Companhia das Fábricas Cerâmica Lusitânia, com o motivo de uma ave exótica, aqui apresentado no ano transacto e daquilo que então se escreveu (http://mfls.blogs.sapo.pt/tag/marcel+goupy), atente-se nesta página de um catálogo da casa Geo Rouard divulgando desenhos de Marcel Goupy (1886-1954).

 

Apesar da deficiente resolução da imagem, é possível verificar que o motivo comercializado pela CFCL se baseou claramente no motivo de Marcel Goupy (referido no canto superior direito da página) apresentado ao centro e à esquerda da ilustração. 

 

Nas décadas de 1920 e 1930, uma das características das criações de Goupy, e de outros designers consagrados nas artes decorativas, era a apresentação de conjuntos de mesa completos, englobando cerâmica e vidro, que partilhavam o mesmo motivo.

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Fevereiro 22 2014

 

 

Em memória do modelador e pintor cerâmico Francisco Furriel, falecido a 18 de Janeiro de 2014.

 

Medalhas comemorativas da 1.ª (à esquerda) e 2.ª Feiras Nacionais da Cerâmica, que tiveram lugar na cidade  das Caldas da Rainha durante os anos de 1979 e 1980.

 

Com cerca de 9,4 cm. de diâmetro, a medalha da direita apresenta no anverso a assinatura, manuscrita, do seu modelador – Furriel (Francisco Jorge Furriel, 1925-2014).

 

Francisco Furriel entrou para a fábrica Secla em 1953, onde permaneceu até à sua aposentação, na década de 1990, tendo colaborado em várias secções da empresa e chefiado ainda, durante 17 anos, a secção de pintura (cf. http://www.gazetacaldas.com/37073/francisco-jorge-furriel-1925-2014/).

 

Conhecem-se diversas outras medalhas cerâmicas de sua autoria, assinadas e produzidas nas décadas de 1970 e 1980, nomeadamente as que evocam algumas Feiras Nacionais da Fruta, realizadas também nas Caldas da Rainha, e alguns monumentos nacionais, como o Mosteiro da Batalha.

 

 

     

 

© MAFLS


Fevereiro 21 2014

 

 

Jarro em faiança da Fábrica do Carvalhinho com decoração vegetalista pintada à mão sob o vidrado.

 

Note-se que, tal como acontece com uma peça aqui recentemente ilustrada (http://mfls.blogs.sapo.pt/lavanda-292769), para além de apresentar o nome da pintora, este exemplar não ostenta no tardoz qualquer indicação relativa quer ao formato quer à decoração, o que poderá indiciar ser esta uma peça produzida depois de 1965, ano em que a FLS abandonou a sua participação na Carvalhinho.

 

 

© MAFLS


Fevereiro 19 2014

 

Fotografia publicada na revista Ilustração, número 84, 4.º ano, de 16 de Junho de 1929.

 

A legenda que acompanha a fotografia é a seguinte – "Um dos belos salões das novas instalações, no Pôrto, na Rua dos Carmelitas, da Fábrica de Louça de Sacavém, a maior da península, fundada em 1850."

 

A capa deste número da revista destacava, através de um desenho alegórico, a Exposição Portuguesa em Sevilha.

 

Recorde-se que a FLS veio a adquirir, logo no ano seguinte, a maioria do capital da Fábrica do Carvalhinho.

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Fevereiro 17 2014

 

Caneca do último período da FLS apresentando sobre o vidrado uma ilustração botânica com laranja, flores e folhas.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Fevereiro 16 2014

 

Travessa em faiança da Fábrica de Louça das Devesas, V. N. de Gaia., com cerca de 36,8 x 26 cm., apresentando o motivo Estátua estampado a verde sob o vidrado.

 

Note-se que este formato é comum a outras fábricas portuguesas e característico do final do século XIX, como se pode constatar através da comparação com uma travessa da Real Fábrica de Sacavém recentemente ilustrada – http://mfls.blogs.sapo.pt/travessa-293804.

 

Veja-se ainda como, ao contrário do que acontece com um outro exemplar desta fábrica anteriormente apresentado (http://mfls.blogs.sapo.pt/18604.html), o motivo ostenta junto da marca a sua designação original em inglês – Statue. Esta marca corresponderá provavelmente ao período de 1884-1904.

 

Finalmente, atente-se nas diversas diferenças que a cercadura, o motivo central e o espaçamento entre a decoração estampada apresentam relativamente a outras variantes do motivo Estátua produzidas quer nesta mesma fábrica quer em diferentes fábricas portuguesas e estrangeiras: http://mfls.blogs.sapo.pt/?tag=motivo+est%C3%A1tua.

 

 

© MAFLS


Fevereiro 15 2014

 

Conjunto de chávena de chá e pires, formato Aldeia, com vidrado monocromático azul.

 

Veja-se um outro conjunto monocromático de chávena de café e pires, também com este formato, mas numa tonalidade mais clara de azul, aqui: http://mfls.blogs.sapo.pt/91130.html.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Fevereiro 13 2014

© MCS/CDMJA

 

Detalhe de uma página cromolitografada de catálogo para azulejos de arquitrave da FLS.

 

Esta página com motivos vegetalistas, impressa na Litografia do Bolhão, Porto, será datável da década de 1910.

 

Cortesia do Museu de Cerâmica de Sacavém / Centro de Documentação Manuel Joaquim Afonso.

 

© MAFLS


mais sobre mim
Fevereiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
14

18
20

24
26
28


pesquisar
 
subscrever feeds