Memórias e Arquivos da Fábrica de Loiça de Sacavém

Maio 15 2013

 

 

Pormenor da página 845 do jornal The London Gazette referente ao ano de 1854. Este jornal equivale às congéneres publicações de registos oficiais existentes em diferentes países, como o actual Diário da República (que já foi antecedido por uma publicação oficial denominada Gazeta de Lisboa, cujo título surgiu  intermitentemente entre 1715 e 1833), de Portugal, tendo o seu primeiro número sido publicado em 7 de Novembro de 1665.

 

Nesta página surge uma notícia de dissolução da sociedade anteriormente estabelecida entre Elizabeth Rawstron (1820-1893), Thomas Rawstron (1819-1860), William John Howorth (1823-1881) e John Stott Howorth (1829-1893), cuja tradução se apresenta abaixo: 

 

"Aqui se dá notícia que a Sociedade, existente até ao momento, entre a abaixo assinada Elizabeth, esposa do abaixo assinado Thomas Rawstron, de Rochdale, no condado de Lancaster, ou o dito Thomas Rawstron, na posse dos seus direitos, e os abaixo assinados William John Howorth e John Stott Howorth, ambos de Lisboa, no reino de Portugal, desenvolvendo aí o seu negócio enquanto Mercadores e Agentes de Comissão, sob o estilo ou firma de John Ashworth and Company, foi dissolvida, por mútuo acordo, no passado dia 31 de Dezembro [de 1853], no que diz respeito aos referidos Elizabeth Rawstron e Thomas Rawstrom, que a partir dessa data se retiraram da mesma. Datada este décimo oitavo dia de Fevereiro de 1854. [Seguem-se as quatro assinaturas]."

 

Registe-se que Elizabeth, a qual casou com Thomas Rawstron em 1852, tinha como apelido de solteira Beswicke, e havia casado anteriormente, em 1841, com Henry Howorth (1817-1850), irmão de William John e John Stott Howorth, de quem teve cinco descendentes, todos nascidos em Lisboa.

 

Por outro lado, uma irmã de Thomas, Alice Rawstron (1831-1925), havia casado com John Stott Howorth, de quem teve uma filha, Alice Annie Howorth, nascida e falecida em 1859.

 

Como já foi aqui referido, Alice Rawstron Howorth ainda era accionista da FLS em 1922 (http://mfls.blogs.sapo.pt/138305.html) e, segundo algumas fontes, parece ter sido tratada como Baronesa Howorth de Sacavém, muito embora no ano em que o título foi concedido a John Stott Howorth, em 1885, este já tivesse assumido uma relação com Henriquete da Conceição Almeida (datas desconhecidas), de quem teve dois descendentes, nascidos em 1865 e 1868, e posteriormente viesse a ter três outros descendentes de Maria Margarida Pinto Bastos (http://mfls.blogs.sapo.pt/611.html).


Apesar de o apelido de Maria Margarida, por lapso, surgir grafado em alguns registos genealógicos como Pinto Basto, este não deve ser confundido com o apelido Pinto Basto da família fundadora da Vista Alegre.

 

© MAFLS


mais sobre mim
Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

14
16

20
22
24

28
30


pesquisar