Memórias e Arquivos da Fábrica de Loiça de Sacavém

Setembro 18 2016

 

Medalha em grés, com cerca 0,8 cm. de altura e 9 cm. de diâmetro, comemorativa dos 58 anos da fundação (25 de Abril de 1921) da fábrica de Valadares (http://archvaladares.com/historia/).

 

Esta fábrica de azulejaria e loiça sanitária, uma das maiores a laborar em Portugal durante a segunda metade do século XX, passou durante os últimos anos por diversos problemas que quase a levaram à falência, mas entretanto retomou a produção e parece estar a recuperar daquela situação periclitante.

 

Registe-se que, embora tal não corresponda hoje à imagem de marca da empresa, a Valadares criou e comercializou cerâmica decorativa durante o segundo quartel do século XX.

 

Como já foi aqui referido (http://mfls.blogs.sapo.pt/tag/clariano+casquinha+da+costa), um dos melhores modeladores da FLS, Clariano Casquinha da Costa (1929-2013), abandonou esta última fábrica para ingressar na Valadares durante a década de 1960.

 

© MAFLS


Maio 22 2016

 

Medalha em faiança, com cerca de 9,4 cm. de diâmetro, produzida em 1979 e ostentando uma imagem alusiva ao Mosteiro da Batalha, situado no concelho homónimo, bem como a assinatura manuscrita "Furriel".

 

Como já foi aqui referido anteriormente (http://mfls.blogs.sapo.pt/outras-fabricas-outras-loicas-cxcv-297225), Francisco Jorge Furriel (1925-2014), ingressou na fábrica Secla em 1953, onde veio a chefiar a secção de pintura, tendo aí permanecido até à sua aposentação, na década de 1990.

 

 

© MAFLS


Fevereiro 22 2014

 

 

Em memória do modelador e pintor cerâmico Francisco Furriel, falecido a 18 de Janeiro de 2014.

 

Medalhas comemorativas da 1.ª (à esquerda) e 2.ª Feiras Nacionais da Cerâmica, que tiveram lugar na cidade  das Caldas da Rainha durante os anos de 1979 e 1980.

 

Com cerca de 9,4 cm. de diâmetro, a medalha da direita apresenta no anverso a assinatura, manuscrita, do seu modelador – Furriel (Francisco Jorge Furriel, 1925-2014).

 

Francisco Furriel entrou para a fábrica Secla em 1953, onde permaneceu até à sua aposentação, na década de 1990, tendo colaborado em várias secções da empresa e chefiado ainda, durante 17 anos, a secção de pintura (cf. http://www.gazetacaldas.com/37073/francisco-jorge-furriel-1925-2014/).

 

Conhecem-se diversas outras medalhas cerâmicas de sua autoria, assinadas e produzidas nas décadas de 1970 e 1980, nomeadamente as que evocam algumas Feiras Nacionais da Fruta, realizadas também nas Caldas da Rainha, e alguns monumentos nacionais, como o Mosteiro da Batalha.

 

 

     

 

© MAFLS


mais sobre mim
Janeiro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


pesquisar
 
subscrever feeds