Memórias e Arquivos da Fábrica de Loiça de Sacavém

Setembro 01 2014

 

Prato decorativo apresentando motivo central estampado, rebordo tratado a aerógrafo e filetagem a ouro, que poderá ser alusivo à Primavera.

 

Como se viu anteriormente (http://mfls.blogs.sapo.pt/prato-326867), conhece-se um outro prato do mesmo formato, com igual aplicação cromática no rebordo e motivo central com semelhante tratamento estilístico mas diferentes elementos, o que reforça a ideia de que estaremos perante um conjunto alusivo às quatro estações.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 09:01

Dezembro 31 2013

 

Fundada em 1798, em França, a fábrica Longwy celebrizou-se nas últimas décadas do século XIX através da decoração a esmalte separado por corda seca e do acabamento craquelé do vidrado.

 

craquelé evocava a antiguidade das envelhecidas peças de faiança e a corda seca o cloisonné das multicoloridas peças orientais em metal. Foi precisamente através das decorações orientalizantes que a fábrica expandiu o seu prestígio, o qual se veio a elevar durante o período Art Déco e atingiu então expressão maior dentro desse estilo.

 

 

A técnica de corda seca celebrizada por Longwy não era, no entanto, exclusiva desta fábrica, que encontrou grande concorrente na quantidade e qualidade do design da fábrica belga Boch Frères / Keramis, também ela expoente maior na produção de cerâmica Art Déco.

 

Na faiança, este tipo de cloisonné caracteriza-se pela decoração com esmalte policromático, em relevo, sendo as cores envolvidas por linhas mate que funcionam como separadores de esmalte durante a cozedura das peças, num processo reminiscente da velha técnica de corda-seca na azulejaria. 

 

A taça, com cerca de 10,4 cm. de altura e 25,7 cm. de diâmetro, e a jarra, com cerca de 28,1 cm. de altura, apresentadas acima ilustram duas das características decorações Art Déco da Longwy.

 

 

Já o vidrado escorrido como aquele que se apresenta na taça agora ilustrada, a qual tem cerca de 12,7 cm. de altura e 14,6 cm. de diâmetro máximo, é mais característico da herança Art Nouveau, não sendo comum na produção da fábrica, que ainda hoje continua a insistir na onerosa técnica de decoração em faiança cloisonné.

 

Vejam-se muitos e interessantes exemplares da produção desta fábrica, que felizmente integram uma notável e criteriosa colecção nacional, no espaço de MUONT: http://modernaumaoutranemtanto.blogspot.pt/search/label/Longwy.

 

Para um conhecimento mais aprofundado da história e também da diversa produção decorativa da fábrica, consulte: http://www.emauxdelongwy.com/emaux.html.

 

          

 

© MAFLS


mais sobre mim
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


pesquisar