Memórias e Arquivos da Fábrica de Loiça de Sacavém

Janeiro 03 2017

 

Duas jarras produzidas, muito provavelmente, na Faïencerie de Thulin (1863-1971), fábrica situada na Bélgica, medindo a peça de cima cerca de 23, 8 cm. de altura e a de baixo cerca de 17 cm.

 

Nas suas combinações cromáticas, diversas peças de Thulin apresentam vidrado escorrido semelhante àquele que surge em alguns dos vidrados comercializados também pela fábrica francesa De Bruyn, Fives, Lille.

 

 

O escorrido patente na primeira jarra é exemplo dessa semelhança de vidrado, apresentando uma rica multiplicidade cromática que resulta de diferentes camadas aplicadas sobre o fundo sang-de-boeuf.

 

Esta é uma tonalidade muito característica da influência oriental sobre a cerâmica do final do período victoriano, em Inglaterra, particularmente na produção Arts & Crafts, e do período Art Nouveau.

 

A primeira marca reproduzida abaixo, à esquerda, corresponde a esse exemplar.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 00:01

mais sobre mim
Janeiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

23
24
25
26
27

29
30


pesquisar