Memórias e Arquivos da Fábrica de Loiça de Sacavém

Setembro 07 2011

 

Exemplos de restauro num floreiro da FLS, um pequeno canudo que constitui par com uma peça já apresentada anteriormente (cf. http://mfls.blogs.sapo.pt/120497.html).

 

Na imagem de cima note-se o rebordo irregular em segundo plano, que corresponde à área (mal) restaurada, e na de baixo o desenho incipiente que substituiu a imagem original estampada sobre o vidrado.

 

Recentemente têm surgido no mercado de antiguidades, em grande quantidade, diversas peças restauradas da FLS. Muitas vezes são apresentadas como peças restauradas, de facto, outras vezes essa indicação é omitida.

 

Mesmo quando estas peças são apresentadas como restauradas, o valor solicitado pelos vendedores está quase sempre acima do expectável e do aceitável, apenas porque se pretende valorizar o restauro e a marca Sacavém.

 

Ora, se a  FLS produziu efectivamente exemplares de loiça doméstica e loiça decorativa ao nível daquilo que de melhor se produziu em todo o mundo, é verdade que também produziu peças de menor qualidade e até refugo.

 

É verdade ainda que os restauros são onerosos e exigem muito tempo a quem os efectua, mesmo que executados numa vulgar e simples peça de loiça, como um prato ou uma jarra. O restauro dessas peças será uma óptima oportunidade prática e um óptimo exercício de estilo para quem restaura e certamente contentará quem decidiu efectuar o restauro, se recorreu a um técnico competente e escrupuloso no ofício.

 

Esse restauro, no entanto, deverá ser essencialmente motivado por razões afectivas ou institucionais, bem como pela necessidade de conservar e consolidar uma peça que se encontre em mau estado.

 

Raramente o restauro mandado executar, por exclusivas razões comerciais, por um vendedor apresenta para o comprador um custo final que se justifique. É bom que haja clarividência e bom senso para admitir que um mau exemplar da produção da FLS não deixa de ser um mau exemplar porque se encontra restaurado. E que um exemplar restaurado é sempre um exemplar defeituoso.

 

A aquisição de peças restauradas deve obedecer a linhas orientadoras que passam, entre outras, pela decisão consciente de adquirir uma peça defeituosa que seja documentalmente interessante ou pela necessidade de temporariamente possuir uma peça que complemente ou complete um conjunto existente.

 

O argumento decisivo deveria passar pela aquisição de obras restauradas de produção excepcional, quer porque peças intactas similares raramente surgem no mercado, quer porque, quando surgem, atingem preços que excedem aquilo que estamos dispostos a pagar.

     

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

mais sobre mim
Setembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
14
16

20
22

26
28
30


arquivos

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

pesquisar
 
subscrever feeds