Memórias e Arquivos da Fábrica de Loiça de Sacavém

Novembro 11 2018

 

Pequena jarra, com cerca de 12,7 cm. de altura, em faiança da Arfai, Alcobaça.

 

Embora não apresente qualquer marca relativa à fábrica, esta peça apresenta a habitual pasta da Arfai e ostenta as notas e referências ali usadas para testar as características de produção .

 

Como se verifica pela imperfeição do fundo, este seria um exemplar destinado apenas a estudar o vidrado e o tempo de cozedura, cujo produto final se destinaria à exportação e muito provavelmente não ostentaria a marca da Arfai, como muitas das peças desta empresa.

 

 

© MAFLS

 

publicado por blogdaruanove às 21:01

Novembro 03 2018

 

Dois paliteiros em porcelana, com formato prismático triangular, ostentando decoração heráldica sobre o vidrado.

 

Um deles, ostentando o brasão da Ericeira, foi produzido na Vista Alegre, em Ílhavo, o outro, ostentando o brasão de Pinhel, foi produzido na Electro-Cerâmica do Candal.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Outubro 28 2018

 

Frasco de chá, em porcelana da SPAL, Alcobaça, ostentando as armas do Duque e da Duquesa de Bragança.

 

Como se verifica pela inscrição patente na base, é uma peça, de tiragem limitada a 500 exemplares, comemorativa do casamento dos Duques de Bragança, que ocorreu em 13 de Maio de 1995.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Outubro 06 2018

 

Mais um exemplar da Empresa Electro-Cerâmica do Candal, desta vez um cinzeiro, ilustrando uma das combinações decorativas mais comuns da fábrica – áreas parcialmente esmaltadas a uma só cor conjugadas com motivos florais estampados sobre o fundo branco da porcelana, desta vez sem qualquer filetagem a dourado.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Setembro 30 2018

 

Cachepot, com cerca de 14,7 cm. de altura e 17,2 cm. de diâmetro máximo, em faiança da fábrica Raúl da Bernarda, Alcobaça.

 

Curiosamente, embora a maioria da decoração seja pintada à mão sob o vidrado, as polka dots brancas do corpo principal, mas não as do rebordo, são aplicadas sobre o vidrado.

 

Como se verifica pela marca apresentada no fundo, esta peça ostenta a decoração Bois d'Arc criada por Heather Outlaw Kurpis (n. 1963) para a The Essex Collection, uma série desta empresa portuguesa essencialmente destinada à exportação.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Setembro 22 2018

 

Pequeno troféu, com cerca de 13,6 cm. de altura e 8,2 cm. de diâmetro máximo na base, ostentando duas medalhas, em bonze, comemorativas dos 75 anos da fábrica de Valadares, que se celebraram em 1996.

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Setembro 16 2018

 

Jarra, com cerca de 17,7 cm. de altura, em faiança da Arfai, Alcobaça.

 

Ao contrário do exemplar anteriormente aqui apresentado (https://mfls.blogs.sapo.pt/outras-fabricas-outras-loicas-ccclv-393257), esta peça não ostenta qualquer marca mas apresenta as anotações, a marcador indelével, realizadas na Arfai para o controle das características técnicas de produção.

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Setembro 08 2018

 

Cinzeiro em faiança, produzido pelas Faianças Subtil, comemorativo da festa do jornal Avante! realizada em 1986.

 

A fábrica de Faianças Subtil tinha sede nas Caldas da Rainha, embora seja possível encontrar referências ao seu endereço comercial e empresarial também em Coimbra, e não sobreviveu às inúmeras vicissitudes que afectaram diversas empresas cerâmicas portuguesas no último quartel do século XX e na viragem para o século actual.

 

Depois de um período de agitação laboral em 2001, que se veio a revelar fatal, a empresa viria a ser reestruturada e renomeada como Le Faubourg, mas esta alteração parece não ter resolvido os eventuais problemas estruturais, produtivos, competitivos e de reposicionamento no mercado, pelo que o seu encerramento acabou por ocorrer em 2005.

 

Note-se como este cinzeiro, enquanto ampliação de uma carica, evoca o princípio de sobredimensionamento das peças do quotidiano, característico da Arte Pop, e como o motivo traduz claramente as dimensões e o formato de um autocolante.

 

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Setembro 02 2018

 

Carapau em faiança ligeiramente relevada, com cerca de 18 cm. de comprimento, ostentando no tardoz apenas a inscrição, manuscrita, "Portugal". Apresenta ainda dois orifícios e um cordel para suspensão.

 

Obviamente, trata-se de um pastiche bem humorado das sardinhas bordalianas oitocentistas que têm vindo a ser recuperadas na cerâmica portuguesa deste primeiro quartel do século XXI.

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

Setembro 01 2018

 

Terrina em faiança, com decoração pintada à mão, sem qualquer marca.

 

© MAFLS

publicado por blogdaruanove às 21:01

mais sobre mim
Novembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


pesquisar